” Dica da Claudinha”
5-maneiras-populares-de-como-fazer-o-jejum-intermitente

OUÇA O SEU ESTÔMAGO, ELE NÃO É O TIQUE TAQUE DO RELÓGIO, com o passar do tempo os seres humanos evoluíram de nossos hábitos alimentares ancestrais. Os horários das refeições estão agendados em torno da típica jornada de trabalho de 8 a 18, horários de reuniões familiares e eventos como casamentos. Os seres humanos podem realmente seguir esta rotina mais do que qualquer outro na existência, mas o apetite não obedece o relógio.
NA VERDADE, É TOTALMENTE ARTIFICIAL COMER QUANDO NOS DISSERAM PARA COMER.

Historicamente, o hábito de se alimentar 3 vezes ao dia surgiu na Europa Medieval. Os agricultores acordavam cedo, tomavam mingau frio e iam cultivar os campos. Ao meio dia era hora de descansar, fazer uma refeição mais substancial para recuperar as forças e se preparar para o resto do dia de trabalho. Ao voltarem para casa, tinham mais uma refeição como a da manhã e então era hora de irem para cama e começar tudo de novo na manhã seguinte.

proper-nutrition-for-weight-loss-2-400x300
Ao chegarem à América durante as Grandes Navegações, os colonizadores europeus trouxeram também esses hábitos alimentares com eles. Ao estabelecerem contato com os nativos, perceberam que a frequência com que estes comiam variava conforme as estações do ano. No inverno, era comum que membros de tribos indígenas na América do Norte jejuassem devido à escassez de alimentos.
O café da manhã, é pregado como a chave para a perda de peso, mas na verdade, os tempos de refeição foram baseados na conveniência e ritual. O comportamento alimentar de uma pessoa é um dos maiores determinantes da saúde, e pesquisadores da Universidade Cornell dizem que é melhor evitar ficar sem comida por + de 3 a 4 horas.

Uma das + recentes recomendações para perda de peso é o jejum intermitente, e ele contraria a recomendação atual que diz para você comer seis refeições por dia. Ignorar sua pausa para o almoço pode não só ser uma recomendação de perda de peso, mas também o caminho para uma vida mais longa. Reduzir o consumo de calorias 30 a 40% pode estender a vida de uma pessoa por 1/3 ou +, como muitos estudos animais mostraram.

https://www.instagram.com/barrigasupersarada/?hl=pt-br