“Hipismo”
IMG-20180503-WA0022

O Hipismo é conhecido como a arte de bem montar a cavalo.
Sua prática remonta tempos muito antigos, quando o cavalo era ferramenta indispensável tanto para locomoção, como arma de guerra nos campos de batalha.
Neste contexto, um cavalo bem ou mal adestrado, poderia ser a diferença entre a vida e a morte de um cavaleiro.

Atualmente o hipismo clássico, possui três modalidades, que são disputadas em jogos olímpicos: o salto, o adestramento e o concurso completo de equitação.
No Brasil a modalidade mais popular é o salto, que pela emoção e adrenalina envolvidos no ato de transpor obstáculos sobre o dorso dos equinos, cativa cavaleiros e amazonas.

IMG-20180503-WA0024

O hipismo é também um esporte democrático, pois é o único esporte Olímpico, no qual homens e mulheres competem em iguais condições, havendo inúmeras amazonas de destaque.
Os benefícios desta atividade são amplos, em apenas 30 minutos de atividade, o praticante tem 1.8 mil ajustes tônicos e contrações musculares, aqueles que não estão acostumados saem com as pernas bambas.
O Hipismo promove ainda força e resistência muscular, condicionamento físico, equilibra os ritmos dos batimentos cardíacos, aumenta o poder de coordenação psicomotora, diminui o estresse e combate a depressão.

No Regimento de Cavalaria da Polícia Militar de Santa Catarina, localizado em Barreiros, São José/SC, o hipismo é praticado diariamente, como forma de adestramento dos cavalos e melhora técnica dos cavaleiros.

Fonte da Matéria: Capitão PM- Fernando Jahn Bessa – Instrutor de Equitação